500 dias de Covid


No dia 09 de julho de 2021 nosso país completou 500 dias desde o primeiro caso confirmado de Covid-19.

Assistindo e vivendo este período sabemos que o mundo mudou e que muitas vidas foram desprendidas, sem contar as profundas mudanças sociais e econômicas. Nos tornarmos mais digitais, trabalhos em home-office, uso de aplicativos, lockdown, educação híbrida e um período com restrições de horários e a não aglomeração para diversas atividades inclusive as religiosas. Nossos ritos neste período ficaram suspensos. Deixamos de atender ao público com os portões abertos, congelamos o calendário litúrgico, as festividades e eventos externos foram cancelados. Passamos a obedecer com atenção aos protocolos da Organização Mundial de Saúde, do governo do Estado de São Paulo e a legislação municipal. Mas esta é uma religião do axé, ou seja, de uma força espiritual e ela precisa de uma manutenção, de uma constante atualização. Logo esta manutenção do axé passou a ser feita internamente, ora vez ou outra com poucos integrantes onde passamos a assistir e operar rígidos protocolos de segurança, ora com orientações à distância.

Muitos preceitos para o lar foram e são ainda orientados neste período. Banhos litúrgicos, defumações, firmações diversas, palavras de esperança afim de aplacar as necessidades espirituais do próximo e de nossos associados. Passaram a primeira, segunda e pasmem temos uma terceira onda em queda devido ao avanço ainda lento da vacinação. Acreditamos que as políticas públicas poderão atingir as necessidades da nossa população através da ciência.

Nossa atualidade permite encontros apenas internos, com portões fechados e atendimentos limitados com agendamento.


Quando agendamos ao público pedimos o comprovante de vacinação ou teste recente para Covid-19.

Nossos bons pensamentos para curas sucessivas ao mundo. Paz e luz a todos. Saravá, aranauan, axé

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square